Com data de abertura prevista para 14 de abril, o SI2E – Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo e ao Emprego tem como principal objetivo a criação de valor e de emprego para:

– os pequenos empreendedores;

– micro e pequenas empresas.

Com uma dotação orçamental de 320 milhões de euros (dos quais praticamente metade para aplicar em regiões do interior), o SI2E prevê apoiar projetos de investimento de micro e pequenas empresas até um total de 235 mil euros.

Acresce ainda, por cada posto de trabalho criado, um apoio até 15 meses (ou 18 meses para territórios baixa densidade) com um limite mensal de 421,32 euros, ou seja, um Indexante dos Apoios Sociais (IAS).

Como já referimos aquando do anúncio deste novo Sistema de Incentivos (clique aqui para saber mais), os empreendedores pequenos empresários poderão receber um subsídio entre 30% e 50% do investimento. Um apoio que sobe para 60% no caso dos territórios baixa densidade. De sublinhar que o incentivo do SI2E é não reembolsável, ou seja, é a fundo perdido.

A título de exemplo, no SI2E poderão ser elegíveis despesas como:

– Aquisição de máquinas, equipamentos e software;

– Desenvolvimento de websites;

– Planos de marketing;

– Ações de Marketing Digital;

– Registo de marcas e patentes;

– Viagens e participação em feiras internacionais;

– Ferramentas de gestão;

– Serviços de arquitetura e engenharia para implementação do projeto;

– Realização de obras;

– Contratação de recursos humanos e formação;

– Aquisição de serviços de consultoria especializada.

Clique para mais informações.


 

A FORTIS CONSULTING reúne uma equipa de consultores sénior, com mais de 25 anos de experiência, à sua disposição para apoiar e acompanhar a elaboração da sua candidatura.

Prestamos todo o apoio na elaboração, submissão, acompanhamento e execução do seu projeto.

Mais informações: alipio.oliveira@fortis.pt ou 917 258 968

Seja Fortis! Consulte-nos.

Partilhar
Share On Facebook
Share On Twitter
Share On Google Plus
Share On Linkedin