Se ainda não sabe o que é Remarketing (ou retargeting) poderá estar a perder uma das melhores técnicas de anúncios em links patrocinados.

Certamente que já lhe aconteceu visitar uma loja online e mesmo depois de ter abandonado a página, começou a visualizar anúncios do produto que esteve a pesquisar por todo o lado que ande na Internet.

Pois bem, isso é Remarketing!

Exibir a mensagem certa, para a pessoa certa, no momento certo.

Esta é já considerada uma das ferramentas mais eficientes do marketing digital, principalmente para o e-commerce. E porquê?

Porque o remarketing é um recurso que permite, por exemplo, a uma loja online alcançar as pessoas que a visitaram anteriormente e exibir-lhes anúncios relevantes quando visitarem outros sites, blogues ou redes sociais.

Imagine que alguém visitou o seu website sem realizar qualquer compra. O que o remarketing faz é ajudá-lo(a) a conectar-se com esse potencial cliente enquanto este navega noutros websites. O objetivo é mostrar-lhe uma mensagem e/ou oferta atrativa no sentido de o incentivar a voltar ao seu website e concluir a compra.

Portanto, o remarketing nada mais é que uma ferramenta do Google AdWords que marca e identifica os utilizadores que visitam o nosso website e que passa a exibir os nossos anúncios na rede de display do Google.

Como funciona o Remarketing?

Quando anunciamos no Google AdWords temos a opção de exibir os anúncios em duas redes distintas, a Rede de Pesquisa e a Rede de Display.

A Rede de Pesquisa nada mais é que as páginas de respostas para as pesquisas realizadas no Google e websites parceiros.

Por seu lado, a Rede de Display é composta por uma infinidade de websites, blogues e redes sociais que disponibilizam espaço para a exibição de anúncios do Google AdWords através do programa de afiliados, mais conhecido por Google AdSense.

Na prática, o que acontece no remarketing é a criação de uma marcação para o cliente que acede ao nosso website, utilizando um cookie que ficará gravado no computador desse visitante.

Esse cookie será o responsável por intensificar a exibição dos anúncios quando o utilizador visitar outros sites ou blogues que exibem anúncios do Google.

A vantagem do remarketing é de facto relevante em situações de muitos “carrinhos” abandonados numa loja online. A grande maioria deles fruto de indecisão na hora da finalização da compra.

Através do remarketing, o nosso cliente em potencial é, literalmente, bombardeado com a exposição ao produto e, na maioria das vezes, o resultado é o retorno à loja para finalizar a compra.

Facebook Exchange

Também a rede social Facebook aderiu aos métodos de remarketing, tendo criado o Facebook Exchange.

Enquanto no remarketing do Google os anúncios são divulgados em diversos sites da rede AdSense, no Facebook Exchange o remarketing é exibido apenas dentro da rede social, geralmente no espaço reservado para os anúncios, na parte lateral direita.

Vantagens do Remarketing

  • Alcançar potenciais clientes quando estes estão mais propensos à compra;
  • Personalizar o público-alvo;
  • Maior alcance e profundidade;
  • Melhores taxas de clique;
  • Visibilidade dos locais onde os anúncios são exibidos;
  • Taxas de conversão superiores;
  • Retorno superior;
  • Complementaridade com outras estratégias de marketing digital.

Agora que já sabe um pouco mais sobre remarketing, pode incluir esta ferramenta na sua próxima campanha on-line, seja para estimular as vendas do seu website ou tão simplesmente promover a sua marca.

Mas, atenção!

É fundamental não esquecer que ninguém gosta de se sentir perseguido. Portanto, é de extrema importância configurar a sua campanha de modo a não massacrar os utilizadores. Caso contrário, corre o risco de ser contraproducente e isso refletir-se-á de forma negativa na imagem da sua marca ou da empresa.

 


 

Seja Fortis! Consulte-nos.

Partilhar
Share On Facebook
Share On Twitter
Share On Google Plus
Share On Linkedin