Mais do que um diário corporativo, um Blogue apresenta-se às empresas como uma ferramenta digital com papel central em qualquer Estratégia de Conteúdo (ou Marketing de Conteúdo).

Aliás, o Marketing de Interrupção está em vias de desaparecer, em particular quando comparado com os resultados alcançados pelo Marketing de Conteúdo – uma estratégia de atração e de permissão por parte de quem compra.

Sabia disso? Sim?! Então está no bom caminho.

Não?! Então, deixamos-lhe aqui algumas dicas que farão certamente com que rapidamente adote um blogue na sua Estratégia de Marketing Digital.

Uma estratégia de conteúdo não pode (nem deve) começar e terminar numa única plataforma. O truque, se assim podemos dizer, passa pela multiplicação desse mesmo conteúdo, tornando-o mais rico e completo!

Até porque outros canais de conteúdo da empresa, como as Redes Sociais, precisam de “apontar” para algum lugar! E assim ganhar e fidelizar visitantes do seu website, por exemplo. Uma forma clara de transformar esses mesmos visitantes em clientes.

Indo diretos ao assunto, são funções importantes de um blogue:

  • Criar e manter uma presença digital para o seu negócio (empresa, marca, produto e/ou serviço)
  • Gerar leads (ou seja: pessoas interessadas no que o seu negócio vende);
  • Criar e manter um relacionamento com os seus seguidores e clientes (atuais e potenciais);
  • Não só informar, mas “educar” os seus futuros clientes sobre o que o seu negócio comercializa;
  • Tornar o seu negócio naquilo que se classifica de autoridade num nicho de mercado.

Mas, por que tipo de blogue deverá optar? Tudo depende do que a sua empresa pretende abordar. Por exemplo:

1 – Estilo de vida do consumidor

Além de permitir que fale sobre os benefícios diretos e indiretos do seu produto e/ou serviço, permite dar resposta a perguntas como:

– Como o meu produto e/ou serviço contribui para melhorar a vida do meu cliente? Claro está, da forma menos direta, sem mencionar sempre diretamente o tal produto e/ou serviço.

– Como me diferencio da minha concorrência?

– Consigo ensinar algo ou contribuir para a resolução de algum problema dos meus clientes?

Importante: num blogue deste género deverá evitar falar diretamente sobre os seus produtos e/ou serviços.

2 – Atualizações do seu produto e/ou serviço

Embora atraia menos comentários do que o tipo de blogue anterior, permite produzir conteúdos referentes a novidades e atualizações de produtos e serviços. Permitindo apostar em assuntos mais técnicos e com impacto direto no dia a dia dos internautas.

Um blogue deste género apresenta-se como um excelente complemento de suporte aos clientes.

3 – Tirar dúvidas dos seus clientes

Pode parecer em tudo semelhante ao tipo de blogue que mencionamos no ponto 2, mas com diferenças. Exemplos destes blogues são o da Amazon e o do PayPal, em que cada post esclarece pontos comuns de dúvida e a interação com o cliente realiza-se através de emails ou tickets com a equipa de atendimento ao cliente.

E mais ainda: um blogue destes, ao antecipar problemas, permite reduzir o número de atendimentos por parte da equipa de suporte ao cliente.

Se precisa de publicar posts (ou artigos) novos diariamente?

Bem, tudo depende do seu tipo de público, de conteúdo e da sua própria capacidade para publicar todos os dias.

No entanto, uma frequência semanal é aconselhável. E mais ainda: ter um planeamento ou calendário editorial facilitará a forma como organiza a produção dos seus conteúdos.

Lembre-se que, em todo este processo, as Redes Sociais se apresentam como um precioso recurso para quem procura atrair novos visitantes e leads para o blogue. Por isso, defina muito bem quais são as redes sociais mais utilizadas pelo seu público-alvo. É através delas que se irão propagar os seus links, fidelizar público e conhecer os seus gostos e interesses, permitindo produzir os conteúdos mais relevantes.

Concluindo, os consumidores adoram marcas e empresas que se preocupam em produzir conteúdo gratuito e de qualidade a pensar neles. Estamos, de facto, perante uma nova era do Marketing – aquele que se foca em ganhar e não em comprar atenção das pessoas.

 

Qualquer dúvida ou esclarecimento, na FORTIS Consulting estamos sempre disponíveis para ajudar.

Seja Fortis! Consulte-nos.

Partilhar
Share On Facebook
Share On Twitter
Share On Google Plus
Share On Linkedin